segunda-feira, 20 de junho de 2016

Intensidade



Meu amor é intenso e o seu regrado.
Acredito ser merecedora de um pouco mais que sua dose diária de atenção.
Talvez eu deseje mais do que você possa me dar, 
Mas acontece que eu não consigo me dar pouco, me dar às vezes. 
Entenda, minha constância é a intensidade. 
Culpe minha vênus em câncer, mas compreenda minha necessidade de mais. 
De troca de fluidos mas também de sentimentos, 
De falar, de ouvir, de estar junto, de me sentir junto. 
Se você não quer minha intensidade, então, por favor, não me queira. 
Porque me pedir para ser menos é me roubar de mim mesma. 
E não quero isso.
Eu sou muito, e eu sou minha. 
Então te peço: seja muito comigo, ou não seja meu.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você gostou do post, comenta! Vou adorar saber o que você achou.
Assim que puder responderei seu comentário, e se você deixar o link do seu blog irei retribuir a visita. Obrigada, e volte sempre!

Beijos, Anna