segunda-feira, 18 de junho de 2012

Diário #22

Especial - Dia dos namorados



Então gente, eu não tive muito tempo essa semana com toda a correria do trabalho e do show de Christian - que depois conto aqui direitinho também como foi - pra contar sobre o meu primeiro dia dos namorados com Bruno! O melhor da minha vída, sem um pingo de sombra de dúvidas hahaha.
Bom, pra começar nós dois ficamos no telefone no dia 11 e junho até dar meia noite pra desejarmos feliz dia dos namorados um ao outro. ~ansiedade mil né kkk~ No dia 12 mesmo nós nos vimos cedinho, porque eu estava em Vertentes, na casa dos meus avós (desde o sábado dia 9) pois meu avô estava doente e precisava de mim. Como não tinha ninguém pra dirigir e levar meu avô ao hospital já que ele estava impossibilitado de dirigir, Bruno passou o fim de semana e o início da semana como motorista do meu avô. Ai no dia 12 meu avô precisou ir ao hospital cedinho e Bruno foi levá-lo. Me encontrou de manhãzinha - por volta das 7h - com cabelo assanhado, cara inchada de sono, bafo matinal e ainda de camisola. E o pior é que ele teve coragem de olhar pra mim e dizer que eu estava linda! KKKKKKK Enfim, depois que ele voltou do hospital ficou um tempinho lá comigo (eu já estava arrumada, claro rs) e depois ele foi pra casa almoçar pra depois ir trabalhar. Fui então pra casa de uma amiga porque prometi ajudar ela a preparar o presente do namorado dela, que ia ser uma caixa dos 5 sentidos. Bruno foi lá me buscar de 6h da noite pra irmos para a NOSSA programação de dia dos namorados. Os planos era fazermos juntos um jantar romântico na casa dele e depois trocarmos os presentes. Eu havia passado a manhã inteira procurando uma receita na internet pra fazer. Como ele adora todos os tipos de massas, e principalmente macarrão, a receita que eu escolhi foi essa aqui de um delicioso macarrão à romanesca. Fomos então ao supermercado comprar os ingredientes e depois fomos para o destino de nossa noite, a casa dele. Começamos então a preparar nossa receita, ele picava todos os ingredientes enquanto eu me encarregava de colocá-los na panela e pilotar o fogão. E ele era um fofo, sempre querendo ajudar em tudo! *-* Depois a irmã dele chegou lá com uma travessa enorme com uma lasanha e pediu pra a gente colocar no forno, porque seria a janta especial dela e do namorado dela. Algum tempo depois nosso macarrão ficou pronto, e como a travessa de lasanha era muito grande e tava quente, a minha cunhada e seu namorado acabaram jantando lá na casa de Bruno mesmo, e não na casa dela (que é em frente kkk), e eu e Bruno para ficarmos à sós transferimos nosso jantar para a cama dele. Ai nós ajeitamos os pratos, talheres e copos lá em cima da cama, ele ligou o notebook do lado tocando umas músicas românticas e passando um slide de fotos nossas (principalmente fotos minhas kkk), nos sentamos um de frente pro outro e começamos a comer enquanto conversávamos e alisávamos a mão do outro. Foi tipo lindo lindo lindo lindo lindo! E o macarrão? hmmmmmmmmmmmm... Sério gente, recomento de mais. É simples, com ingredientes que todo mundo tem em casa, fácil de fazer e fica simplesmente uma DELÍCIA! E não tirei foto pra postar aqui porque ele ficou igualzinho ao da receita, sério.
Ai, depois que nos empanturramos de macarrão - e depois que dele elogiar muito a comida e dizer que foi o melhor jantar da vida dele, awn - nós fomos lavar os pratos. A irmã dele também estava lavando os pratos do jantar dela e então ficamos os dois casais conversando. O namorado dela é muito engraçado, me fez morrer de rir. Depois a mãe dele chegou e ficou rindo com a gente também. Sério, foi incrível passar um tempinho com a família dele, mesmo em um dia que era pra ser só nosso. Quando todos os pratos foram lavados então a minha cunhada e seu namorado voltaram para a casa dela e nos deixaram lá para curtir nosso momento de novo. Estava na hora da troca os presentes! *-*
Ele me deu uma mesinha de apoiar notebook na cama que vem com 2 collers. Tipo, tudo o que eu precisava pra trabalhar, né? Adorei, adorei, adorei, adoreeeeei! Agora posso trabalhar na cama como gosto e sem ficar com a perna muito quente :)
E então chegou a vez dele abrir o meu presente. Bom, ele já havia me dito antes que não queria que eu comprasse nada, queria que eu fizesse algo pra ele porque sabia que eu era criativa o bastante para isso. Depois de muitas pesquisas eu decidi fazer um potinho cheio de pergaminhos, e em cada pergaminho tinha um motivo pra amá-lo. Tipo, deu um puuuuuuta trabalho, passei uma semana fazendo tudo, e o lacre do pergaminho é a coisinha mais chata de fazer que teve, mas super valeu a pena porque ficou lindo, romântico, e ele a-m-o-u!


Pensei em fazer um post inteiro com um Do It Youself desse presente, mas ele é simples, então resolvi fazer incluso no diário mesmo.

  1. Compre um recipiente de vidro à sua preferência, ou faça como eu e pegue um que tem em casa mas não usa muito. Lave e deixe secar bem direitinho.
  2. Imprima os motivos (ou pode escrevê-los a punho também, mas vai demorar semanas) e os recorte em tirinhas.
  3. Corte tirinhas menos largas que a tirinha com os motivos e em um papel de outra cor.
  4. Enrole a tirinha dos motivos, formando um pergaminho, e enrole em cima dela a tirinha de outra cor.
  5. Passe cola da pontinha da tirinha que está lacrando o pergaminho e pressione até que a cola seque.
  6. Repita o processo em todos os motivos.
  7. O nome "motivos pra te amar" e os corações brancos (me arrependi profundamente de não os fazer vermelhos) no vidro foi impresso em papel adesivo em uma gráfica, é baratinho e prático de utilizar.
  8. Cobri a tampa do vidro com um quadrado de folha de papel seda cor de laranja. Apenas envolvo a folha na tampa e prendi em baixo com um adesivo. É complicado pra fechar porque o papel é sensível e pode rasgar com facilidade, mas foi a opção mais prática e bonitinha que achei.
  9. A caixa e o laço foram comprados prontos em uma papelaria.
  10. Ao total gastei R$ 16,00 na confecção do presente inteiro. E isto inclui as 9 folhas impressas com os 180 motivos, a folha de papel cartão pra o lacre, a caixa, o laço, o adesivo pra colar no vidro e as folhas de seda que coloquei na tampa e na caixa pra fazer volume ao redor do vidro.

Enfim, deu muito trabalho mas super valeu a pena, porque Bruno amou MUITO, se emocionou pra caramba com os motivos e até chorou. Sim, ele chorou! Disse que foi o melhor presente que já ganhou a vida inteira, e o melhor dia dos namorados que já teve também. E então, depois da troca dos presentes ficamos trocando juras de amor. Ele perguntou se eu queria casar com ele - me pergunta isso o tempo inteiro - e eu disse que sim. E então ele se lembrou de uma cena da série Pretty Little Liars que eu contei pra ele uma vez, dizendo que achei muito lindo. É aonde a personagem Maya conta para os pais de Emily que quando o pai dela foi pedir a mãe em casamento ele não tinha comprado um anel, então pegou uma caneta permanente e desenhou um anel no dedo dela. Quando a tinta começou a sair o dedo a mãe dela tatuou o anel que foi desenhado pelo noivo, e este anel tatuado foi a única aliança que ela teve na vida. Uma aliança da qual não podia se livrar jamais. Enfim, quando eu respondi que sim, queria me casar com ele, ele se levantou e pegou um piloto vermelho na cômoda, depois pediu minha mão. Eu comecei a sorrir, já sabendo o que ele ia fazer, e então ele segurando minha mão começou a declarar os seus votos e depois desenhou uma aliança no meu dedo. Peguei o piloto da mão dele e comecei a fazer os meus votos, mas eu me emocionei e comecei a chorar muito, e por isso na hora de desenhar a aliança no dedo dele eu estava trêmula e ela acabou ficando muito grossa, mas não teve problema. Ficou linda do mesmo jeito. Depois ele ainda pediu pra tirarmos fotos das nossas mãos com alianças, como os recém-casados fazem. Enfim, foi o dia dos namorados mais lindo que eu já tive, e o dia 12 de junho foi um dos melhores dias da minha vida, sem sombra de dúvidas. E segundo o meu namorado utópico, foi um dos melhores da vida dele também. *-*


xx

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. me ajudaaa , não sou boa com palavras e queria fazer isso que vc fez . mas onde eu arrumo mais de 100 motivos pra dizer que amo ele ? me ajuda pf

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, eu achei uma lista com mais de mil motivos em uma comunidade do orkut chamada Presentes Originais (PO) em um tópico chamado "Motivos pra te amar". Se você não tiver orkut, procura no google mesmo, deve ter algum site com os motivos prontos. :)

      Excluir

Se você gostou do post, comenta! Vou adorar saber o que você achou.
Assim que puder responderei seu comentário, e se você deixar o link do seu blog irei retribuir a visita. Obrigada, e volte sempre!

Beijos, Anna